Você sabe como calcular o Giro de Estoque?

O estoque é essencial para qualquer negócio que comercialize produtos. Por isso precisa ser muito bem dimensionado para garantir o sucesso na organização. Um estoque menor pode ocasionar perda de vendas por falta de produtos, porém mercadorias a mais, podem representar muito dinheiro parado. Por isso o giro de estoque é um ótimo indicador de qualidade do seu depósito. Este artigo vai te mostrar como melhorar  a gestão do seu estoque com cálculo de giro.

Mas que é Giro de Estoque?

Giro de estoque é um tipo de indicador que demonstra o desempenho de um estoque. Na logística, GIRO é a média de entrada e saída de um item em estoque, geralmente calculada pela média de venda do mesmo período do ano anterior. Ou seja, o resultado apresentado pelo giro de estoque, representa a quantidade de vezes que cada um dos itens, foi renovado dentro de um determinado período.

E qual o GIRO ideal?

O giro de estoque ideal é quando o negócio consegue calcular o giro de estoque médio e ter um controle da entrada e saída de mercadorias. O ideal é que não haja estoque em excesso, que significa na maioria dos casos, perda de dinheiro, e nem falta de estoque, que gera perda de vendas.

No próximo tópico vimos te mostrar como fazer o cálculo do giro de estoque.

O cálculo em si é muito simples, porém envolve outras variáveis que precisam estar corretas para que o valor encontrado corresponda a realidade.

GIRO DE ESTOQUE = TOTAL DE VENDAS / VOLUME MÉDIO DE ESTOQUE

  • Defina o período do cálculo;
  • Encontre o número total de produtos que foram vendidos neste período;
  • Estabeleça o volume médio no estoque neste período também

Exemplo: O estoque médio de uma loja de departamentos é de 200 sofás e a loja vende 1800 sofás por ano. O giro de estoque dessa empresa é calculado dividindo 1800 por 200, resultando em 9 giros no período. Isso significa que os produtos são renovados 9 vezes durante o ano.

Também é possível fazer o cálculo por valor:

Imagine que o valor do estoque médio seja de R$ 120 mil e o volume de vendas anual de R$ 960 mil. Considerando estes valores, é possível conferir os seguintes resultados:

GIRO DE ESTOQUE = R$ 960.000 / R$ 120.000 = 8 giros anuais

 

Cuidar do estoque não é um bicho de sete cabeças, ainda assim, dependendo do tamanho do negócio e pode ser bastante dificultoso.

Para ajudar a uma gestão mais eficaz do estoque da sua empresa, você pode optar pelo uso da tecnologia, com um sistema ERP. Através destes softwares é possível avaliar rapidamente o desempenho do estoque, quais peças e produtos estão disponíveis, o valor pago ao fornecedor e o valor repassado para o consumidor final. Facilitando e agilizando o seu dia a dia.

Compartilhe esse artigo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui